Dona de pousadas na Costa Verde é sequestrada por criminosos em Paraty

By | dezembro 2, 2019

Uma empresária foi sequestrada por criminosos, na manhã desta segunda-feira, em Paraty, na Costa Verde do Rio. Maria da Glória Belchior, de 57 anos, é dona de seis pousadas na cidade turística e continua em poder dos criminosos, que já fizeram contato com familiares exigindo um valor em troca de sua liberdade. A Polícia Militar tem informações de que a vítima foi levada para uma ilha da região, onde está sendo mantida em cativeiro.

Maria da Glória foi abordada pelos criminosos por volta das 10h20, quando chegava em uma de suas pousada, no bairro Jabaquara, em Paraty. Ela estava em seu carro quando dois homens a abordaram. Ambos estavam armados com pistolas e um deles usava uma máscara de borracha. Os criminosos renderam a vítima, cerca de oito funcionários da pousada e recolheram todos os telefones celulares. Eles também levaram os HDs do programa de câmeras de segurança do estabelecimento. Em seguida, deixaram o local levando a vítima dentro de seu carro.

Por volta das 10h30, um dos filhos de Maria da Glória ligou para o seu celular. A vítima atendeu, disse que havia sido sequestrada e pediu que a polícia não fosse envolvida, senão ela seria morta. Além dos dois homens que abordaram a vítima, a polícia acredita que mais dois criminosos estejam envolvidos.

De acordo com o delegado Marcelo Russo, titular da 167ª DP (Paraty), policiais estão em diligência em busca de câmeras de segurança do local onde a mulher foi capturada pelos bandidos. Também estão sendo ouvidas testemunhas para tentar identificar os criminosos.

Além das pousadas, Maria da Glória tem uma agência de turismo com atuação em Paraty e também uma escuna que faz passeios pelas praias da região.

423 Visualizações