Casal de lésbicas é preso por suspeita de assassinar o filho de uma delas

By | novembro 27, 2019

Duas mulheres foram presas na cidade de Nova Marilândia, no interior do Mato Grosso, por suspeita de matar o filho de uma delas, de três anos. Segundo a polícia, Davi Gustavo Marques de Souza, de três anos, foi levado ao hospital por Fabiola Pinheiro Bracelar, de 22 anos, namorada da mãe do menino, Luana Marques Fernandes e deixado no local já sem vida.

O menino apresentava hematomas no corpo e sinais de maus-tratos. Por causa disso, a polícia foi acionada. Conversando com familiares, os policiais registraram uma série de denúncias de que David sofria violência dentro de casa e tinha chegado a ser atropelado pela madrasta.

As mulheres foram encontradas pela polícia poucos dias após a denúncia. Enquanto Fabiola negou o crime, Luana chorou. As duas foram presas por homicídio doloso, maus-tratos e omissão de socorro. O corpo do menino ainda passará por necrópsia que identificará a causa exata da morte.

Fonte: Último Segundo

253 Visualizações