Líder do PCC na fronteira é morto em confronto com a polícia paraguaia

By | março 6, 2019

Um dos integrantes da cúpula do Primeiro Comando da Capital (PCC) no Paraguai, o brasileiro Reinaldo de Araújo foi morto a tiros num confronto com policiais do país vizinho, na madrugada desta terça-feira, 5, em Villa Ygatim, departamento de Canindeyú, na fronteira com o Brasil. Segundo o ministro do Interior do Paraguai, Juan Ernesto Villamayor, ele estava na companhia de Thiago Ximenes, o ‘Matrix’, principal liderança da facção paulista no Paraguai.

‘Matrix’ escapou do cerco, mas continuava sob perseguição dos agentes das Forças de Operações Policiais Especiais (Fope).

Os dois haviam fugido juntos do quartel do Grupamento Especializado da Polícia Nacional, em Assunção, em dezembro de 2018. “A polícia fez um ótimo trabalho de rastreamento e busca. Eles chegaram próximo deles esta manhã e invadiram o local. Houve um confronto armado, onde um deles (Araújo) foi morto e o outro está sendo procurado nos morros”, disse.

364 Visualizações